28 de agosto de 2015

Mais uma prefeita cassada no Maranhão, desta vez Cristiane Damião em Bom Jesus das Selvas!

A prefeita de Bom Jesus das Selvas, Cristiane Damião, acaba de ter o mandato cassado por abuso de poder econômico e captação ilícita de sufrágio. 

A decisão foi proferida pelo juiz da 95° Zona Eleitoral da Comarca de Buriticupu, Duarte Henrique Ribeiro de Souza, decidiu nesta sexta-feira (28).

A Ação Eleitoral foi promovida pela Coligação “Bom Jesus não pode parar’, que tem como advogados o Dr. Claudio Araújo, além do Dr. Antônio Carvalho e do Dr. Gutemberg Castro. Na ação, o vice-prefeito Abdala da Costa Sousa Filho também perde o mandato. 

A justiça eleitoral de Buriticupu tomou como prova o vídeo exibido no programa Fantástico da Rede Globo, em setembro do ano passado, onde mostra Cristiane Damião ameaçando expulsar uma família de suas terras caso todos não votassem nela como prefeita na eleição de 2012.

Dentre tantas outras polêmicas, umas das mais repercutidas no blog aconteceu em junho deste ano, quando a prefeita Cristiane Damião 
tresloucada ameaçou o jornalista da TV Record, Gilvan Neves e começou a desferir palavras ameaçadoras para cima do profissional da comunicação, como: 

“Gilvan Neves eu vou te destruir, vou acabar com a tua raça...”.
“Agora eu vou é te matar seu vagabundo, ladrão, safado, filha da P…“.
Tudo isso aconteceu sob os olhares de vários moradores da cidade. A conversa foi toda gravada por Gilvan que logo após começou a espalhar para os moradores da cidade. 

Gilvan Neves é o proprietário dos meios de comunicação de Bom Jesus das Selvas. E recebeu ameaças da prefeita porque estava incomodando devido expor na mídia as mazelas do município deixando a população a par de acontecimentos como, as várias denuncias do MP contra a prefeita por diversos erros em sua administração, muita corrupção e favorecimentos a frente do Consórcio dos Municípios da Estrada de Ferra Carajás (Comefec), que por conta de todos esses escândalos envolvendo seu nome, lhe custou o cargo de presidente, sendo o acontecimento noticiado até no fantástico pela rede globo.

A cassação causou a inelegibilidade da prefeita que será impedida de participar de eleições durante oito anos. Ainda assim ela tem 90 dias para recorrer da decisão.

De: Carlos Barroso
Zé Doca em Foco

Justiça empossa Malrinete como Prefeita de Bom Jardim

A vice-prefeita de Bom Jardim, Malrinete Gralhada (PMDB), foi empossada no Fórum da cidade pelo juiz Cristóvão Sousa Barros, titular da 2ª Vara da Comarca. A posse deveria ter sido feita pela Câmara de Vereadores de Bom Jardim na manhã desta sexta-feira, mas o presidente da casa não estava na cidade.

A justiça já havia concedido nesta quinta-feira (27) um mandado de segurança determinando que Malrinete Gralhada assumisse imediatamente a prefeitura da cidade, que está sem gestor desde que a prefeita Lidiane Leite da Silva, de 25 anos, fugiu após ter a prisão decretada pela "Operação Éden", da Polícia Federal.

O presidente da Câmara de Vereadores, Arão Sousa, está em São Luís e informou que a cerimonia de posse seria realizada às 17:00, onde todos os vereadores já haviam sido notificados.

Sobre isso, assessoria juridica da vice-prefeita, informou que houve um desencontro de informações, e dessa forma, ajuizou outra ação no processo, pedindo a imediata posse de Malrinete.

"Foi determinada que a câmara desse posse a vice prefeita, o oficial de justiça procurou o presidente da camara e o vice mas não foram encontrados, dessa forma a decisão judicial ficou sem sentindo, assim, Malrinete ajuizou outra ação nos autos, para que fosse empossada, e é o que estamos fazendo" Disse o Juiz.

Após a cerimonia de posse, o Juiz Cristovão, aproveitou a oportunidade e notificou imediatamente a prefeita para que cumpra decisão judicial que reintegra todos os "excedentes" que foram prejudicados no decreto 003/2013 aos seus cargos.

A qualquer momento mais informações.

De: bomjardimma
Zé Doca em Foco

Prefeito de Centro Novo sofre acidente na MA-306

O prefeito de Centro Novo do Maranhão, Arnobio Rodrigues, sofreu um acidente de carro na tarde desta sexta-feira (28), na MA-306, que liga a BR-316 ao município. O Segundo as informações, carro do gestor, uma Hilux, perdeu o controle numa curva e capotou várias vezes na estrada quando retornava da Quadra 35, zona rural daquele município.
Apesar da gravidade do acidente, o prefeito que estava na direção do veículo saiu sem nenhum arranhão do acidente. Além do prefeito estavam mais duas pessoas dentro do veículo  que também saíram ilesas do acidente.

De: Blog do Maycon Alves
Zé Doca em Foco



27 de agosto de 2015

Justiça determina que vice Malrinete Gralhada assuma cargo de prefeita de Bom Jardim imediatamente.

O juiz Cristóvão Sousa Barros, titular da 2ª Vara da Comarca de Bom Jardim (MA), concedeu, nesta quinta-feira (27), mandado de segurança determinando que a vice, Malrinete Gralhada (PMDB), assuma imediatamente o cargo a prefeitura da cidade, que está sem gestor desde que a prefeita Lidiane Leite da Silva, de 25 anos, fugiu após ter a prisão decretada pela "Operação Éden", da Polícia Federal.

O juiz afirma que a decisão visa a "proteção do interesse público diante da situação de insegurança social e política que vive a Comunidade de Bom Jardim". A determinação vale "enquanto perdurar o impedimento da prefeita", observa o magistrado.
saiba mais

Procurado, o advogado da prefeita Carlos Sérgio de Carvalho disse que ainda não tinha conhecimento da decisão judicial e informou que Lidiane está estudando pedir o próprio afastamento da prefeitura em breve.

A vice Malrinete Gralhada (PMDB) disse ao que vai aguardar ser empossada pela Câmara Municipal. "Eu tenho prazo de 24 horas para a Câmara Municipal me dar posse, mas o presidente da Câmara, vereador Arão Silva, está em São Luís. Eu já falei com o vice [vereador Cinego], que está aguardando a documentação da Justiça", informou.

Gralhada se disse pronta para assumir a cidade, que vive clima de incerteza. "Eu estou pronta para assumir e pronta para trabalhar pelo nosso município. Vamos inicialmente retomar a estabilidade no município. Temos que colocar o funcionalismo em dia, pois uns receberam os salários e outros não. E de imediato vamos pedir uma auditoria nas contas do município e regularizar a merenda escolar", garantiu.

A vice havia ajuizado mandado de segurança no Fórum de Bom Jardim, na terça-feira (25). AoG1, ela revelou que havia estava impedida de entrar na sede da prefeitura desde 2013, por determinação de Lidiane.


De: bomjardimma
Zé Doca em Foco

26 de agosto de 2015

Morre acusado de matar repórter e cinegrafista nos EUA

Segundo polícia, tiros que deu em si próprio foram a causa da morte; profissionais foram assassinados durante entrevista ao vivo no Estado da Virgínia

A Polícia da Virgínia anunciou no começo da tarde desta quarta-feira (26/08) que morreu o suspeito de atirar na repórter Alison Parker e no cinegrafista Adam Ward, ambos da emissora WDBJ. Ele atirou em si mesmo, durante uma perseguição policial, mas se encontrava em condição crítica. A morte foi causada pelos tiros que disparou em si, informaram as autoridades.
No começo da tarde, os policiais haviam dito que ele tinha falecido. A informação foi corrigida minutos depois, colocando a situação de saúde dele como "crítica". Agora, a morte foi confirmada.

O suspeito se chamava Vester Lee Flanagan e foi âncora da emissora onde Parker e Ward trabalhavam. Ele aparecia no vídeo com o pseudônimo Bryce Williams e foi demitido há dois anos da emissora.


Zé Doca em Foco

Veja o vídeo gravado pelo próprio atirador que matou uma repórter e um cinegrafista nos Estados Unidos.

Atirador gravou com o celular o momento em que atirava nos Jornalistas.

CENAS FORTES!




Zé Doca em Foco

Suspeito de matar jornalistas durante transmissão ao vivo é preso nos EUA


A Polícia do Estado da Virgínia informou ter prendido na tarde desta quarta-feira (26) o suspeito de ter matado a tiros os jornalistas Alison Parker e Adam Ward, funcionários de uma TV afiliada à rede norte-americana CBS. Eles foram mortos durante uma transmissão ao vivo.

O suspeito havia atirado em si mesmo enquanto era perseguido e foi transportado para o hospital em uma ambulância. O atirador foi apontado como Vester Lee Flanigan, um ex-empregado da emissora que utilizava na mídia o nome de Bryce Williams.
A repórter Alison Parker, de 24 anos, e o cinegrafista, Adam Ward, de 27 anos, do canal WDBJ-TV, foram atingidos na cidade de Moneta por volta das 6h45 (no horário local).
Flanigan registrou o disparo e postou o vídeo em sua conta no Twitter.
Ele escreveu também que Alison Parker havia feito comentários racistas e que Adam Ward fez uma reclamação contra ele no setor de recursos humanos do canal.
Suspeito fugiu em carro
Segundo nota da Polícia do Estado da Virgínia, o veículo de Flanigan saiu da pista e bateu durante a fuga. "Os policiais abordaram o carro e encontraram o motorista com um ferimento de bala", afirma a polícia.

Também foi ferida no tiroteio a entrevistada Vicki Gardner, integrante da Câmera de Comércio da região. Ela conversava com a repórter no momento do crime. Ela foi atingida nas costas, passou por cirurgia e está em condição estável, segundo disse um porta-voz do hospital citada por um jornal local. Não havia detalhes sobre o estado de saúde dela.
O programa “Entertainment Tonight”,  da redeCBS, publicou no Twitter uma nota divulgada pela família da jornalista Alison Parker: “Isso é sem sentido e nossa família está destruída”, afirma o texto, que descreve Parker como “vivaz, ambiciosa, esperta, engajada, hilária, bonita e imensamente talentosa”.

Atirador havia sido demitido
Em transmissão ao vivo sobre a repercussão do assassinato de seus dois funcionários, o gerente geral da emissora WDBJ7, Jeff Marks, esclareceu que Vester Flanigan, usando profissionalmente o nome Bryce Williams, trabalhou na empresa e foi demitido há dois anos por problemas relacionados a sua raiva no ambiente de trabalho.
“Depois de muitos incidentes em que ele reagiu com muita raiva, nós o demitimos. Ele não aceitou bem [a demissão], nós tivemos que chamar a polícia para escoltá-lo para fora do prédio”, afirmou Marks no ar.

De: G1
Zé Doca em Foco

Jornalistas são mortos nos EUA por atirador durante transmissão ao vivo

A repórter Alison Parker e o cinegrafista Adam Ward, jornalistas de uma TV afiliada à rede norte-americana CBS, foram mortos a tiros nesta quarta-feira (26) enquanto faziam uma entrevista ao vivo no estado da Virgínia, nos Estados Unidos.
(ATUALIZAÇÃO: por volta das 13h20, a polícia da Virgínia informou que prendeu o suspeito. Leia mais: Suspeito de assassinar repórteres ao vivo é preso na Virgínia, nos EUA.)

 atirador, que é um ex-empregado da emissora, atirou em si mesmo pouco depois dos assassinatos. O estado de saúde dele era considerado crítico, segundo a CNN.

Os jornalistas do canal WDBJ-TV foram atingidos na Bridgewater Plaza, na cidade de Moneta, por volta de 6h45 (no horário local). A repórter tinha 24 anos e o câmera, 27 anos.

O suspeito Vester Lee Flanagan, que utiliza na mídia o nome de Bryce Williams, registrou o disparo e postou em sua Twitter(Veja o vídeo acima.)

Ele tem 41 anos, de acordo com a Associated Press, e foi preso. A polícia começou a persegui-lo logo depois do crime. Mais tarde, a imprensa norte-americana divulgou a informação de que ele tinha se ferido propositalmente.
Entrevistada ficou ferida
Vicki Gardner, integrante da Câmera de Comércio da região era entrevistada no momento do crime. Ela foi atingida nas costas, passou por cirurgia e tinha quadro estável.
Nas imagens gravadas pelo cinegrafista Adam Ward pouco antes de morrer, é possível ouvir os tiros e ver o momento em que a repórter tenta se esconder dos disparos.
A câmera cai, mas ainda registra as pernas do atirador. Logo em seguida e fora do campo de imagem, os gritos da jornalista continuam a ser ouvidos.

Acredita-se que o atirador tenha atirado seis ou sete vezes, disse o gerente-geral do WDBJ Jeff Marks, segundo a CNN.
Relato de comentários racistas
A motivação do crime, no entanto, ainda não está clara. Bryce Williams postou comentários no Twitter afirmando que a repórter Alison Parker "fez comentários racistas" e que o cinegrafista Adam Ward fez uma reclamação contra ele no RH do canal, "depois de terem trabalhado junto apenas uma vez".
De: G1
Zé Doca em Foco

25 de agosto de 2015

Em coletiva de imprensa realizada em Bom Jardim vereador denuncia ameaças que vem sofrendo

Coletiva de imprensa com vereadores
Em bom jardim, após a prisão dos secretários e a prefeita sendo procurada, o que paira no ar é o clima de indefinição.

Nesta segunda feira a câmara de vereadores convocou uma coletiva de imprensa para falar sobre os rumos que podem ser tomados no município com a ausência da prefeita Lidiane leite, que está sendo acusada de desvio de verbas públicas da educação do município, mas segundo o presidente da câmara vereador Arão, existem fortes indícios de irregularidades em vários outros setores.
Vereador Arão (Presidente da Câmara)

O presidente da câmara apresentou com exclusividade a nossa equipe, documentos que já foram protocolados na justiça com mensagens que supostamente teriam sido enviadas pela prefeita e correligionários dela, nas mensagens do aplicativo o tom é de ameaça. “Se tu se meter mais uma vez nas minhas coisas eu vou pra guerra contigo, eu acabo contigo.”
As mensagens continuam, ”Eu estou com tanto ódio que minha vontade é ir ai onde tu ta agora, tu não me conhece.”
Em outro trecho da conversa novas ameaças são feitas, “Se brincarem comigo, eu estando dentro ou fora do mandato acabo contigo.”
Lidiane Leite (prefeita de Bom Jardim)

Com as indefinições, as escolas estão sem merenda escolar, os servidores estão sem receber salários, na prefeitura quase nada funciona e a cidade de Bom jardim hoje vive um momento delicado e um futuro incerto.

A qualquer momento a prefeita de Bom Jardim Lidiane Leite pode se entregar ou ser presa pela Polícia Federal.





Assista a reportagem


Zé Doca em Foco

24 de agosto de 2015

A prefeita de Bom Jardim ja tem novo advogado que vai entrar com pedido de habeas corpus no STJ

O escritório de Carlos Sérgio Barros foi contratado e assumiu o caso a partir desta segunda-feira (24). O advogado é especialista eleitoral e um dos mais renomados do estado, que revelou estar entrando na manhã desta terça-feira (25), com um pedido de habeas corpus no Superior Tribunal de Justiça para que Lidiane se entregue e não fique presa.

De acordo com Carlos Sérgio Barros não existem provas que incriminem a prefeita e ela também estaria disposta a contribuir nas investigações da Polícia Federal, “diante dessa situação não faz sentido prender a Lidiane”, explicou o advogado.

Carlos Sérgio afirmou que não manteve contato com a prefeita que segue foragida, porém foi informado que ela está muito mal fisicamente e psicologicamente. “Ela tem um quadro de hipertensão e depressão, ela chegou a desmaiar antes da ação da Polícia Federal na última sexta-feira (21)”, contou o representante jurídico da gestora que também garantiu não saber onde está escondida a chefe do executivo municipal de Bom Jardim.

Sobre a questão do município ficar sem prefeito, Carlos Sérgio disse que precisaria saber o que dispõe a Lei Orgânica do município, mas geralmente o chefe do executivo não pode se ausentar do cargo sem justificativa por mais de 15 dias, no entanto, ele lembrar que a operação da PF pode ser um atenuante para o caso de Lidiane e assim talvez a consiga mante-la no cargo, mesmo após o prazo.

Por fim, Carlos Sérgio Barros descarta que a prefeita de Bom Jardim possa se entregar na manhã desta terça-feira e que isso só deve ocorrer quando ele tiver uma resposta do pedido de habeas corpus feito no STJ. “Acredito que até o final dessa semana teremos um desenrolar desta história”, sentenciou o advogado. Ele ainda lembra que caso seja negado o habeas corpus ou ocorra a captura de Lidiane Leite, ela pode ser conduzida ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas, porém por conta do seu estado de saúde, a prefeita pode ficar preso em outro local como a carceragem da Polícia Federal na Cohama ou Quartel Militar no Calhau.

Diego Emir

23 de agosto de 2015

Alunos do povoado Alto Alegre em Zé Doca sofrem com a falta de transporte escolar

Depois de inúmeros pedidos e denuncias dos moradores de Alto Alegre, que reclamavam da falta de transporte escolar para levar os alunos até Zé Doca, fui com minha equipe ao povoado conferir de perto o tamanho do problema, ao chegar na comunidade, descobrimos que a situação era bem pior do que a relatada.

Alguns alunos já chegaram a desistir dos estudos pela dificuldade de chegar até a escola, outros vão de bicicleta ou até mesmo a pé, sem transporte para levar os filhos até Zé Doca, os pais se viram como podem pra não vê-los fora da sala de aula.

"Ele saiu porque pegava muita poeira na estrada, chagava na escola cansado e suado e a professora reclamava, depois tinha que vir meio dia no sol quente."
Relata a Dona Maria mãe de um aluno que desistiu de estudar.

A falta do transporte escolar no povoado Alto Alegre e localidades próximas, hoje é o principal problema na educação desses alunos, com isso, o ano letivo acaba sendo prejudicado devido ao não cumprimento da carga horária previsto em lei, que é de 200 dias letivos. 

Na unica escola da comunidade de apenas uma sala de aula, o abandono é visível e nem água tem para as crianças beberem.

Essa escola é o retrato do censo escolar, que mostra uma grande diferença entre escolas da zona urbana e rural, como por exemplo, a rede de abastecimento de água, que nas cidades 94% das escolas possuem e na zona rural, apenas 27%, segundo os últimos dados divulgados.

A falta de estrutura no transporte escolar e o não cumprimento das metas exigidas pelo ministério da educação, são problemas graves enfrentados na educação de Zé Doca. 

Depois da exibição da reportagem em todo o estado, a assessoria de comunicação da prefeitura enviou uma nota a nossa redação.


NOTA:
1-Sobre as classes multisseriadas:
Não há irregularidade quanto a esse tipo de ensino, essa é uma forma de ensino na qual o professor trabalha, na mesma sala de aula, com várias séries do Ensino Fundamental simultaneamente, tendo de atender a alunos com idades e níveis de conhecimento diferentes.
2. Sobre a merenda escolar:
 A Merenda já está sendo distribuída, apenas seguindo uma ordem de calendário
3. Sobre a água e transporte escolar:
Em relação a essas duas dificuldades, a SEMED já está  tomando as devidas providências.
Assista a reportagem na íntegra.


Apenas boatos! Lidiane ainda não foi presa e a Polícia Federal segue sem pistas da prefeita de Bom Jardim

A noticia que Lidiane leite teria sido presa em Santa Inês não passou de boatos, e a prefeita continua foragida.

Com o sumiço da prefeita, moradores da cidade estão sem saber quem está no comando do município, com 39.049 habitantes. Na cidade, o clima é de incerteza. Vereadores estão impedidos de realizar votação para afastar a prefeita do comando da cidade por causa de uma medida cautelar obtida por Lidiane na Justiça. Ela já havia sido afastada três vezes do cargo: na primeira vez, em abril de 2014, pelo prazo de 30 dias após denúncias de improbidade administrativa, retornando ao cargo em 72 horas, depois de obter liminar na Justiça; na segunda, pelo período de 180 dias, em dezembro de 2014, com liminar suspensa pelo Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA) em 48 horas; e  terceira em maio de 2015, retornando em 72 horas.
Na prefeitura, o expediente é de 8h às 12h, mas poucas pessoas foram encontradas no prédio nessa sexta-feira (21). Somente o secretário de Administração e Finanças, Dal Adler Castro, poderia responder pelo órgão, mas não quis falar com a imprensa.
De: G1
Zé Doca em Foco

Delegado Augusto Barros desmente informação que prefeita de Bom Jardim teria sido presa

“Fizemos checagem junto a todas as forças policiais e em órgãos específicos das forças (PM, PC, PF, Seic, Spci, delegacia regional de Santa Inês, MP, etc.) e ninguém confirma a prisão da prefeita de Bom Jardim”,

Esta foi a afirmação do delegado-geral Augusto Barros ao ser perguntado sobre a possível prisão de Lidiane Leite em Santa Inês.

De: Diego Emir
Zé Doca em foco

SER JORNALISTA É IR ALÉM DA PROFISSÃO…

Jornalista não fala – informa
Não passeia – viaja a trabalho;
Não conversa – entrevista;
Não faz lanche – almoça em horário incomum;
Não é chato – é crítico;
Não tem olheiras – tem marcas de guerra;
Não se confunde – perde a pauta;
Não esquece de assinar – é anônimo;
Não se acha – ele já é reconhecido;
Não influencia – forma opinião;
Não conta história – reconstrói;
Não omite fatos – edita-os;
Não pensa em trabalho – vive o trabalho;
Não vai à festas – faz cobertura;
Não acha – tem opinião;
Não fofoca – transmite informações inúteis;
Não pára – pausa;
Não mente – equivoca-se;
Não chora – se emociona;
Não some – trabalha em off;
Não lê – busca informação;
Não traz novidade – dá furo de reportagem;
Não tem problema – tem situação;
Não tem muitos amigos – tem muitos contatos;
Não briga – debate;
Não usa carro – mas sim veículo;
Não é esquecido – é eternizado pela crítica;
Jornalista não morre – coloca um ponto final!

TV Cidade canal 10. 
Rede Record.
Balanço Geral.
Geovanne Tavares.

22 de agosto de 2015

Presidente da Força sindical no Maranhão é agredido em São Mateus

Um fato desagradável e lastimável  envolvendo sindicalistas da Força Sindical no Maranhão e um Advogado de Sindicato, ocorreu na tarde deste último sábado no município de São  Mateus, distante a cerca de 210 km da capital, São Luis. 

Segundo relatos de testemunhas que estavam no local do episódio, o  presidente da Força Sindical no Maranhão, Frazão Oliveira, que estava dando apoio desde o inicio da manhã, a uma greve de professores municipais em São Mateus, por  pagamento de abono salarial, este fora agredido verbalmente com insultos e ameaças de morte, juntamente com o presidente do Sindicato dos professores municipais de São  Mateus, Ribamar Martins.  As agressões e a confusão se estenderam também ao diretor da FETRACSE, Fernando Beserra, que sofre uma tentativa de agressão e ao advogado sindical, Dr. Danilo Cosse, que ainda levou um murro dado por Jagunços a mando do prefeito local o Sr. Miltinho Aragão. 

O episódio lastimável ocorreu após os sindicalistas citados terem se dirigido com centenas de professores em greve, até ao local onde o prefeito Miltinho,  recepcionaria o governador Flavio Dino, que depois soube-se ser uma de suas propriedades em São Mateus. 

Lá se postaram centenas de manifestantes, com faixas, cartazes e ainda gritavam palavras de ordem na porta do prefeito.
Comenta-se que esse fato e também fato dos sindicalistas terem sido recebidos efusivamente pelo governador Flavio Dino, que visitava oficialmente São Mateus na tarde deste sábado, inaugurando obras no município, isto  teria irritado fortemente o prefeito, que então ordenou seus Jagunços a atacarem o presidente   da Força Sindical e a comissão de companheiros que o acompanhavam.

O gesto do governador Flavio Dino em receber o presidente da Força Sindical e os seus demais companheiros de luta, não só  irritou o prefeito Miltinho Aragão como também  os seus Jagunços, que buscaram  expulsar de forma intimidatória, os dirigentes sindicais que ainda se encontravam na  propriedade do prefeito, onde este recepcionava o governador Flavio Dino, que não viu as agressões dos  pistoleiros do prefeito, Miltinho, apoiado pelo governador, que deveria rever esse apoio. 
A Policia Militar presente só local, escoltou os sindicalistas, até a um local seguro.

Identificou-se  entre entre esse grupo de Jagunços, um sobrinho do prefeito Miltinho de São Mateus, que depois soube-se ser advogado e procurador do município e foi  quem desferiu um soco no advogado sindical, Danilo Cosse. 

A direção da Força Sindical promete reagir às agressões sofrida por membros da direção da Central em São Mateus, denunciando os infratores, aos meios legais existentes.

(Texto Washington)

Zé Doca em Foco

Prefeita de Bom Jardim acaba de ser presa

Segundo informações ainda não confirmadas, a prefeita de Bom Jardim Lidiane Rocha que estava foragida acaba de ser presa em Santa Inês, segundo informações, Lidiane teria sido presa por meio da SEIC e levada para São Luis.

Aguarde novas informações.

Zé Doca em FOCO

Mais um suspeito de traficar drogas foi preso em Zé Doca

Uma operação realizada pela policia civil, no comando do delegado regional Henrique Mesquita, resultou na prisão de José Ferreira da Silva, que foi preso em casa com drogas e dinheiro.
Alem de maconha e pedras de craque, na ação foram apreendidos também vários aparelhos celulares e mais de mil reais em dinheiro, que segundo o delegado é fruto da comercialização do entorpecente.

Chamou a atenção a grande quantidade de moedas de um real.

Na operação que ja vem sendo realizada a vários dias, outros suspeitos de trafico também ja foram presos.

Zé Doca em Foco

PRF realiza nova apreensão de CDs e DVDs piratas em Caxias

Por volta das 13h38 desta quinta-feira, 20, no km 542 da BR-316, município de Caxias/MA, policiais rodoviários federais abordaram o ônibus da empresa Real Maia, de placas OLK-6512/TO, e ao 
fiscalizarem o bagageiro do mesmo localizaram três caixas contendo milhares de CD'S e DVD'S já gravados de vários artistas.
Após a realização de entrevistas aos passageiros os agentes chegaram ao dono da mercadoria transportada, o senhor Evandro Mendes de Oliveira, que confessou não possuir nota fiscal do produto. O total de unidades de disco apreendidos foi de cinco mil. No dia anterior uma outra equipe de agentes da PRF havia apreendido seis mil unidades de CDs e DVDs piratas.
Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Caxias sendo enquadrado no crime de descaminho. 

No dia anterior uma outra equipe de PRFs apreendeu no mesmo lugar seis mil unidades em condições semelhantes.

Com informações da equipe de plantão da PRF.
Zé Doca em Foco

PRF Apreende armas de fogo e munições na BR 316 em Caxias

Policiais rodoviários federais prenderam por volta das 13h30 desta quinta-feira, 20, no município de Caxias/MA, Junyson Camilo da Silva, que passava pelo km 542 da rodovia BR 316, quando os PRFs abordaram o veículo MBENZ/MPOLO VIAG de placa OLK-6512 ocupado por Junyson e encontraram armas e munições sob responsabilidade do mesmo.

O acusado trafegava no sentido decrescente da rodovia (sentido Teresina / Peritoró). Com eles a polícia encontrou: uma espingarda calibre 20; uma espingarda calibre 28 com 125 unidades de munição; 11 unidades de outro tipo munição, uma armadilha tipo Badogue de calibre 20 e sem numeração. Ele foi enquadrado no crime de Porte ilegal de arma de fogo, previsto no Estatuto do Desarmamento (Lei Especial 10.826/2003) - Art. 14. Portar, deter, adquirir, fornecer, receber, ter em depósito, transportar, ceder, ainda que gratuitamente, emprestar, remeter, empregar, manter sob guarda ou ocultar arma de fogo, acessório ou munição, de uso permitido, sem autorização e em desacordo com determinação legal ou regulamentar. 
A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Caxias.

Com informações da equipe de plantão da PRF
Zé Doca em Foco

20 de agosto de 2015

Menino de 8 anos morre enforcado em Itapecuru-Mirim

Um menino de 8 anos de idade, morador do povoado Guanaré na cidade de Itapecuru, que era conhecido pelo nome de Cauã, foi vítima acidental de uma brincadeira com uma rede de dormir.

O garoto se enrolou na rede para depois se desenrolar e ao prender a cabeça nos punhos morre asfixiado. O avô que foi o primeiro a ver o incidente gritou por ajuda. O menino ainda levado para São Luís onde foi constato o óbito da criança. O corpo está sendo velado até a manhã desta quinta-feira e seu corpo será sepultado no mesmo povoado onde a família reside.

De: Luis Magno Alencar
Zé Doca em Foco


Motorista perde o controle da direção e ônibus escolar termina caindo de ponte em Santa Luzia do Paruá

O acidente foi registrado por volta das 13:00 hrs de hoje (19). O motorista Adeilson, residente na Piçarreira do Paruá estaria se dirigindo juntamente com esposa, um profissional borracheiro e amigos para socorrer outro ônibus escolar que estaria parado entre as quadras Fortaleza e Benedito Mendes com problemas mecânicos. O responsável pelo setor de transportes da prefeitura municipal, Márcio, ressaltou que aquela não seria a rota usada cotidianamente por Adeilson e que ele estaria naquele momento prestando um auxílio ao levar profissionais para consertar outro veículo que se encontrava com um pneu furado e outros problemas mecânicos há poucos quilômetros de onde o acidente foi registrado.

O micro-ônibus com placa de Santa Luzia do Paruá não apresentava problemas e já havia passado por revisão segundo relatos do próprio motorista. No exato momento em que transitava pela ponte, o motorista Adeilson não soube informar precisamente as reais causas do acidente e ainda não entrou em contato oficialmente com a coordenação dos transportes para explicar detalhes do que realmente aconteceu e como este acabou perdendo o controle do veículo que veio a cair da ponte de aproximadamente 6 metros de altura. Um dos ocupantes do veículo acabou tendo fraturas confirmadas, os demais passageiros acabaram tendo ferimentos leves e escoriações pelo corpo, mas nada de mais grave foi registrado. Os mesmos foram direcionados para o Hospital Santa Luzia instantes após o registro do acidente para a realização de todos os procedimentos médicos de praxe. No momento do acidente alguns chegaram a ficar temporariamente inconscientes o que resultou em preocupação por parte dos socorristas, após a normalização da situação ambos foram examinados e passam bem. Felizmente não haviam alunos sendo transportados no momento do acidente.

De: A Cidade de Verdade.
Zé Doca em Foco

Quadrilha explode agência bancária de Presidente Sarney e entra em confronto direto com a Polícia

A agência do Bradesco, na cidade de Presidente Sarney, foi alvo de bandidos durante a madrugada desta quinta-feira (20). Ninguém foi preso. De acordo com a polícia militar, 6 criminosos usaram explosivos para entrar na agência e roubar o dinheiro. Parte da agência ficou totalmente destruída.

Ainda segundo a Polícia Militar, a ação dos criminosos aconteceu por volta das 1h da manhã. Os assaltantes estavam em três motocicletas e fortemente aramados.
Após a explosão a guarnição da PM local, entrou em perseguição, e um dos assaltantes que se perdeu na ação ficou pra trás. O bandido efetuou vários disparos de cal. 12 contra a guarnição e se embrenhou no mato e devido à escuridão do local não foi localizado.


Uma guarnição da cidade de Pinheiro junto com Grupo de Operação Especial (GOE) foram acionados, chegando no município de Pres. Sarney, fizeram várias buscas na região mas não localizaram a quadrilha.
Os caixas eletrônicos resistiram a  explosão e nenhuma quantia em dinheiro foi levado. 

Com informações de Vandoval Rodrigues.



Zé Doca em Foco.