26 de agosto de 2015

Morre acusado de matar repórter e cinegrafista nos EUA

Segundo polícia, tiros que deu em si próprio foram a causa da morte; profissionais foram assassinados durante entrevista ao vivo no Estado da Virgínia

A Polícia da Virgínia anunciou no começo da tarde desta quarta-feira (26/08) que morreu o suspeito de atirar na repórter Alison Parker e no cinegrafista Adam Ward, ambos da emissora WDBJ. Ele atirou em si mesmo, durante uma perseguição policial, mas se encontrava em condição crítica. A morte foi causada pelos tiros que disparou em si, informaram as autoridades.
No começo da tarde, os policiais haviam dito que ele tinha falecido. A informação foi corrigida minutos depois, colocando a situação de saúde dele como "crítica". Agora, a morte foi confirmada.

O suspeito se chamava Vester Lee Flanagan e foi âncora da emissora onde Parker e Ward trabalhavam. Ele aparecia no vídeo com o pseudônimo Bryce Williams e foi demitido há dois anos da emissora.


Zé Doca em Foco

Nenhum comentário: