23 de setembro de 2015

FAEMA diz que Fernando Furtado representou Flávio Dino em audiência pública que índios são chamados de “veados”

Na ânsia de tentar desqualificar, achacar e calar os que não rezam a sua cartilha, o secretário de Articulação Polícia, Márcio Jerry (PCdoB), tentou de todas as formas afastar qualquer ligação entre o deputado estadual Fernando Furtado (PCdoB) e o governo comunista no episódio em que o parlamentar chama índios de “bando de veadinhos”. Só que o presidente do PCdoB do Maranhão tem se explicar primeiro ou pedir retratação da FAEMA (Federação da Agricultura do Estado do Maranhão), pois é a própria que informa em seu site, através de uma notícia postada no dia 7 de julho de 2015 às 12h37, que Fernando Furtado representou o governador Flávio Dino (PCdoB) na audiência pública com produtores rurais em São João do Caru.
Em trecho da notícia postada diz: Finalizando a reunião, o deputado estadual Fernando Furtado, (PC do B), que representou o governador Flávio Dino no evento, afirmou estar ao lado produtores rurais. Falou da sensibilidade do governador maranhense para com os menos favorecidos e conclamou a todos a participarem de ações junto ao Palácio dos Leões e Assembleia Legislativa.
Na oportunidade, Fernando Furtado disparou: “Lá em Brasília o Arnaldo (Lacerda-presidente da APROCARÚ) viu, os índios tudo de camisetinha , tudo arrumadinho, com flechinha, tudo um bando de veadinho. Tinha uns três lá que eram veado que eu tenho certeza, veado. Eu não sabia que tinha índio veado, fui saber naquele dia em Brasília, tudo veado. Então é desse jeito que tá, índio já consegue ser veado, boiola, e não consegue trabalhar e produzir? negativo!”
A matéria completa pode ser lida nesse link, mas como Márcio Jerry pode exigir que a FAEMA delete ou suprima o parágrafo, está disponibilizado aqui o trecho da matéria.

De: Diego Emir
Zé Doca em Foco

Nenhum comentário: